rede-de-saude-em-sao-paulo-tem-funcionamento-especial

Rede de Saúde em São Paulo tem funcionamento especial

rede-de-saude-em-sao-paulo-tem-funcionamento-especial

A rede municipal de saúde de São Paulo terá esquema especial de funcionamento neste fim de semana de ano-novo. No sábado (31), as assistências médicas ambulatoriais (AMA)/unidades básicas de saúde (UBS) integradas funcionarão normalmente das 7h às 19h. Já no domingo (1º), funcionam apenas os hospitais municipais, as unidades pré-hospitalares 24h e o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu).

Nas AMAs/UBSs, o foco é a continuidade das campanhas de vacinação contra a covid-19, poliomielite e multivacinação. A imunização contra a covid-19 está disponível para crianças de seis meses a 2 anos, 11 meses e 29 dias com comorbidades, deficiência permanente, imunossuprimidos e indígenas. Também podem se vacinar crianças a partir de 3 anos, adolescentes e adultos.

A primeira dose adicional está disponível para pessoas acima de 12 anos que tomaram a dose anterior há pelo menos quatro meses. A segunda dose adicional pode ser tomada por toda população acima de 18 anos que tomou a anterior há no mínimo quatro meses. A terceira, por sua vez, está disponível para maiores de idade com alto grau de imunossupressão.

Outra vacina disponível é a de poliomielite, que teve a campanha de vacinação prorrogada por tempo indeterminado. Devem ser imunizadas as crianças a partir de um ano até 4 anos e 11 meses de idade. 

Na multivacinação, destinada a quem tem até 15 anos, é possível tomar os seguintes imunizantes: tríplice viral (sarampo, caxumba e rubéola), varicela, BCG, pentavalente, pneumo 10, rotavírus, meningo C, meningo ACWY, varicela, hepatites A e B, febre amarela, DTP (difteria, tétano e coqueluche), dupla adulto, influenza e HPV.

Compartilhe:

Facebook
Twitter
Pinterest
LinkedIn

Mais lidas

Receba nossas notícias

Cadastrar email

Sem spam, apenas notificações sobre as últimas notícias e artigos.

Ver mais notícias sobre:

Continue lendo

Posts relacionados