brasil-tem-8,1-mil-casos-confirmados-de-covid-19-em-24-horas

Brasil tem 8,1 mil casos confirmados de covid-19 em 24 horas

brasil-tem-8,1-mil-casos-confirmados-de-covid-19-em-24-horas


Logo Agência Brasil

O Ministério da Saúde informou, nesta quinta-feira (27), que o Brasil registrou, desde o início da pandemia, 687.962 mortes por covid-19. Segundo boletim epidemiológico divulgado pela pasta, o número total de casos confirmados da doença é de 34.815.258.

Em 24 horas, foram registrados 8.183 novos casos. No mesmo período, foram confirmadas 55 mortes de vítimas do vírus. Ainda segundo o boletim, 34.038.995 pessoas se recuperaram da doença e 88.301 casos estão em acompanhamento.

Boletim epidemiológico da covid-19
Boletim epidemiológico da covid-19

Boletim epidemiológico da covid-19 – Ministério da Saúde

Estados

Notícias relacionadas:

De acordo com os dados divulgados, São Paulo lidera o número de casos, com 6,14 milhões, seguido por Minas Gerais (3,88 milhões) e Paraná (2,75 milhões). O menor número de casos é registrado no Acre (149,7 mil). Em seguida, aparecem Roraima (175,4 mil) e Amapá (178,3 mil).

Conforme os dados mais recentes, até agora, São Paulo é o estado com maior número de motes em consequência da covid-19 (175.504), seguido de Rio de Janeiro (75.850) e Minas Gerais (63.876). O menor número de mortes foi registrado no Acre (2.029). Em seguida, aparecem o Amapá (2.164) e Roraima (2.175).

Vacinação

Até hoje, foram aplicadas 487,9 milhões de doses de vacinas contra a covid-19, das quais 180,2 milhões foram primeiras doses e 162,6 milhões, segundas doses. A dose única foi aplicada em mais de 5 milhões de pessoas.

Compartilhe:

Facebook
Twitter
Pinterest
LinkedIn

Mais lidas

Receba nossas notícias

Cadastrar email

Sem spam, apenas notificações sobre as últimas notícias e artigos.

Ver mais notícias sobre:

Continue lendo

Posts relacionados

a-covid-virou-outra-doenca

A Covid virou outra doença

Nos países europeus onde essa onda de Covid que enfrentamos já passou, o pico de hospitalizações foi menor e mais curto do que em ondas